Tubaronense Renan Bressan deve reforçar o Criciúma em 2022

Foto: GD Chaves | Divulgação

O tubaronense Renan Bressan está retornando para o futebol de Santa Catarina e deve ser confirmado como reforço do Criciúma nos próximos dias. A informação inicial foi dada pelo 'Portal 4oito' e confirmada pelo Portal Infosul. No Heriberto Hulse, o meia de 33 anos terá três competições pela frente: Copa do Brasil, Série B do Catarinense e a Série B do Brasileiro. Na segundona catarinense, Bressan irá duelar contra o Tubarão, clube que foi revelado e torce em sua cidade natal. A competição estadual, que conta com a presença inédita do Criciúma, deve iniciar em meados de abril.

Desejo antigo do Tigre, Bressan deve assinar contrato ainda nesta semana. O jogador está passando as férias na Cidade Azul e é aguardado em Criciúma na próxima semana para realizar os exames médicos no CT Antenor Angeloni.

Início em Tubarão, 11 anos na Europa e volta ao Brasil: a carreira de Renan Bressan

A equipe carvoeira será o sexto clube brasileiro defendido por Renan Brasil. O meia surgiu no Tubarão em 2005 e seguiu para a Europa, onde atuou durante 11 anos da carreira. Seu início foi no Gomel, em 2007, e logo depois no BATE Borisov, ambos da Bielorussia, onde criou uma forte identificação com o país europeu. Na equipe de Borisov, entre 2010 e 2012, Bressan disputou Liga dos Campeões e Liga Europa, foi tricampeão nacional e duas vezes artilheiro da mesma competição. Com o destaque no país, ecebeu um convite para se naturalizar e aceitou. Na Seleção Bielorussa, ele disputou as Olímpiadas de Londres, em 2016, marcando gol no Brasil, durante a fase de grupos do torneio. Pelo selecionado bielorusso, Renan Bressan também disputou Eliminatórias da Copa e amistosos. Antes de voltar para o Brasil, Bressan ainda teve passagens por Spartak Vladikavkaz-RUS (2012/14), Astana-CAZ (2014), Rio Ave-POR (2014/16), Apoel-CHP (2016) e GD Chaves-POR (2016/19). Nos clubes portugueses, o meia-atacante fez 148 jogos e marcou 20 gols.

Renan Bressan em duelo contra Neymar, em partida disputada pelos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012. Foto: Reuters

O retorno ao Brasil ocorreu em 2019, para atuar no Cuiabá. Renan Bressan fez apenas três jogos e se lesionou, tornando curta a sua passagem pelo Dourado. Para o ano de 2020, chegou a negociar seu retorno ao Tubarão, clube que deseja encerrar a carreira, mas as negociações foram interrompidas por uma proposta do Paraná Clube. Na equipe paranista, Bressan disputou 38 jogos, marcou 8 gols e deu 4 assistências, sendo um dos poucos destaques da equipe na temporada. No início deste ano, o meia se acertou com o Juventude, mas fez apenas 4 jogos no Gaúchão e perdeu espaço.

Para a sequência de 2021, defendeu o CRB até o fim da temporada. No Galo de Campina, Bressan fez 6 gols em 30 jogos, sendo peça importante na campanha que terminou com a 7ª colocação na Série B do Brasileiro, a quatro pontos do acesso para a elite.

Bressan passou por quatro clubes desde o retorno para o Brasil. O último foi o CRB. Foto: Divulgação/CRB

Clique aqui e siga o perfil do Portal Infosul no Instagram.

Participe do grupo de WhatsApp do Portal Infosul e fique sempre atualizado do que acontece na região: https://chat.whatsapp.com/EhO3X1Z07wbEQ28ZrgkXvs