Imbitubense Jorginho fica em terceiro lugar no prêmio Bola de Ouro

Foto: Getty Images

Nesta segunda-feira (29), no Théâtre du Chatelet, em Paris, foram divulgados os premiados como melhores jogadores do ano pela France Football, principal revista esportiva da França. Principal prêmio da noite, a Bola de Ouro ficou pela sétima vez com o argentino Lionel Messi, do Paris Saint-Germain que desbancou o polonês Robert Lewandowski, do Bayern de Munique, para ser eleito o melhor jogador de 2021. A terceira colocação da Ballon d'Or ficou com imbitubense Jorginho, campeão europeu com as camisas do Chelsea e da Seleção Italiana, na última temporada. O brasileiro Neymar ficou apenas na 16ª colocação.

Com a terceira colocação, Jorginho se torna o primeiro jogador catarinense da história a integrar o top-3 da premiação organizada pela France Football, uma das revistas esportivas mais conceituadas da França. Após uma temporada brilhante, onde foi peça-chave do meio-campo dos Blues e da Squadra Azzurra, nas conquistas da Champions League e da Eurocopa, respectivamente, o volante ítalo-brasileiro só ficou atrás do goleador Robert Lewandowski e do craque Lionel Messi, que se isolou ainda mais como o maior vencedor da Bola da Ouro.

Nascido no bairro Vila Nova, em Imbituba, Jorginho vive o melhor momento da carreira. Além dos títulos conquistados, ele também venceu o prêmio de melhor jogador da Europa e foi indicado para o prêmio de melhor do mundo em diversas votações (France Football, IFFHS e FIFA The Best). Na premiação da IFFHS, divulgada no último dia 25, o pódio também foi composto por Messi (1°), Lewandowski (2°) e Jorginho (3°). Os vencedores do FIFA The Best serão divulgados no dia 17 de janeiro, na sede da UEFA, na Suíça.