Horóscopo | Astrologia: A caverna de Plutão

Foto: reprodução

Horóscopo da Semana

ÁRIES
Todos os seus temores estão confirmados, mas também podem-se confirmar um montão de coisas boas, desde que você se detenha e aprenda a pensar nelas. Ariano, ora de fazer um detox de pensamento, só depois deve dar início a novos cursos de ação, sejam profissionais, amoroso ou familiar, as coisas mudarão, mas não sem uma vigilância interna muito rígida. 

TOURO
Taurinos mudam muito lentamente, mas agora a vontade de mudar está ganhando força de dentro para fora. Vênus seu regente, desafia a força dos infernos psíquicos de Plutão. Motivação para novas conquistas em diferentes planos, inclusive o amoroso. Mudanças de foco por objetivos mais claros. Período indicado também para tratamentos médicos e odontológicos.

GÊMEOS
A rigidez de pensamento que você mesmo se impõe, pode estar camuflando sentimentos de auto estima feridos. Hora de parar com qualquer coisa que você entenda que não deve mais fazer, cigarro, álcool, palavras, pessoas e ambientes tóxicos. Pare de agir contra sua própria vontade. Você precisa respirar novos ares, experimentar mais os outros sentidos, conhecendo melhor o que lhe motiva, desligando do modo automático e pondo no manual, afinal a vida é sua.

CÂNCER
Atreva-se em novas experimentações, faça como nunca fez antes, pois você está em fase de liberação de antigos padrões de comportamento. Isto poderá aumentar muito sua autoconfiança. Novo estagio de maturidade interna, maior independência de pensamento e ação. Você não precisa mais ser tutelado por ninguém.  

LEÃO
Tudo na vida tem dois lados... Se você se sentiu sozinho ou deixado de lado nos últimos dias, você também deve ter dado motivos para isso. Reavalie certas ações e por mais difícil que possa lhe parecer, peça ajuda, pois irá encontrar mais do que espera. No amor, é preciso saber o momento certo de agir, sem precipitações. No profissional, ajuda de pessoas destacadas.

VIRGEM
Há um limite para o que se pode guardar ou suportar sem que se tenha algum efeito colateral. Se ainda não chegou, poderá estar perto desse limite. Levando isso em conta, diga o que tiver que dizer, faça o que tiver que fazer. Se errar, peça desculpas, afinal, tirando “virgem”, ninguém é perfeito. Não seja tão sisudo, sorria, nem que seja por dentro.

LIBRA
Nunca é tarde, mas, ainda que seja, você não deve permanecer refém de sua má escolha. Reavalie e escolha o que lhe fizer sentir-se bem. A esta altura dos fatos, o mais importante não é o que os vizinhos irão dizer, mais sim o que você poderá dizer a eles, se for preciso. Todo relacionamento abusivo deve terminar, toda a amizade infrutífera deve se afastar, porque é hora da reavaliação interna e só os que puderem colaborar, devem permanecer.

ESCORPIÃO
Seja meticuloso em cada gesto ou palavra, você pode estar num momento de grandes transformações e com oportunidades raras que podem não se repetir. Então decida como você quer ser lembrado pelas demais pessoas: Um rochedo inexpugnável ou um indivíduo que não conhece limites? Nenhuma das alternativas está correta, se quiser progredir financeiramente.

SAGITÁRIO
Hora de colocar em prática tudo o que você adiou até aqui. Não poderá sob nenhum pretexto, postergar, adiar, procrastinar nada. Estarão em cena novos métodos de fazerem-se as coisas e da obtenção de lucro por meio delas. Então aja agora, mudando a forma de abordagem, no mínimo, colherá frutos de seus empenhos dos últimos meses.

CAPRICÓRNIO
A única pessoa capaz de estragar o seu bom momento é você mesmo. Principalmente se quiser ser o defensor fiel da moral e dos bons costumes de uma sociedade que está doente e decadente. Sonhar e sentir primeiro, pensar e escolher depois. Neste seu atual momento, ser criativo é ser próspero.

AQUÁRIO
Você está sempre disposto a romper os limites, mas é importante saber avaliar o momento em que lucro começa a virar prejuízo, ironia em desapreço e independência em individualismo. Isso tudo pode ser atenuado se você souber diminuir o ritmo. Mil anos a dez ou dez anos a mil. A felicidade não vive de extremos, apenas o que é breve e passageiro.

PEIXES
Netuno manda no mar e peixes é como um barco que nunca sabe quantas pessoas conseguirá carregar. Naufragam nos problemas dos outros, sem se importar com os próprios. Mas agora chega. É hora de fazer os preparativos para a nova viagem que se inicia com seu aniversário, mantimentos, ferramentas, primeiros socorros e muita determinação até o seu inferno astral passar, ou seja, um mês depois de aniversariar. 

O CAMINHO DOS ASTROS 113

A caverna de Plutão

Nós, astrólogos, tarólogos, etc., etc., sentimos a necessidade de encontrar nos astros e símbolos, uma resposta para tanta desgraça acontecendo juntas. Não há o que possa sanar a dor dos que padecem com suas perdas, assim como também não há quem não esteja sofrendo com tudo que está acontecendo. Nos despedimos da epopeia aquariana e agora vamos para a mais profunda delas, a Pisciana.

A grande quantidade de planetas que passam a transitar por esta casa, intensificam essa sensação de prova de final de ano... Como assim, final de ano? Final do ano astrológico. Peixes é o último signo do zodíaco, o que aciona o “restart” de todo o sistema, a cada vez que o sol passa por ali.

O nosso 2022 já está completamente definido. Nesta parte do ano, vamos receber a nota desse professor, que irá nos lançar um grande desafio, a inevitável consequência de nossas boas e más ações, o bom e o mal juízo, tipo...” Eu sei o que vocês fizeram no verão passado”. Júpiter também sabe, então, não adianta mentir para você mesmo.

Peixes, é a consciência profunda, não é algo individual, mas sim, universal e, portanto, reveladora do mais profundo âmago do ser...

”Brasil! mostra tua cara...”, é isso o que muita gente não quer ver e que em outros vai causa vergonha, mas será tarde demais pra esconder o resultado das atitudes. Do ano que “acabou de acabar”, vem o reflexo direto, de tudo o que se fez. ”Fecha a conta, vou partir”.

O duplo sextil, Marte e Vênus com Netuno, vai levantar a consciência de massa de cada membro desse grande sistema de vida chamado terra. Como na “Constelação, a cura, o alívio, só vem depois que se identifica a verdadeira causa que nos liga ao trauma. O trauma que deixa em estado catatônico suas vítimas quando são abusadas, principalmente pelos psicopatas, em estado de choque, não sabem pra que lado ir... e assim isso se perpetua. A tragédia fica banal e simultânea, o permanente estado de caos sendo fabricado.

Nesses casos, o que mais espanta sempre é a obviedade, pois quando vem  à tona, liberta, torna-se um consenso, uma evidencia. Mas então, o que está na nossa cara e a gente não consegue ver? Nossa subserviência? Nossa ignorância apática? Nossa credulidade nas sombras e num pagamento mensal como forma de aplacar a ira de um DEUS...?!?

Há um trígono exato formado entre o Sol e o planeta Plutão, é a luz x as trevas, a verdade x a mentira, o amor x a ignorância... Em peixes se aprende como isso funciona e júpiter não é um juiz parcial. Ninguém se cura, se não tiver coragem de assumir onde errou. O perdão não chega e o alívio não vem. A passagem é estreita para sair da caverna de Platão, mas em peixes, dará.

Clique aqui e siga o perfil do Portal Infosul no Instagram.

Participe do grupo de WhatsApp do Portal Infosul e fique sempre atualizado do que acontece na região: https://chat.whatsapp.com/EhO3X1Z07wbEQ28ZrgkXvs