Hercílio bate o Juventus e larga com vitória no Catarinense 2022

Foto: Patrícia Amorim | HLFC

O Hercílio Luz estreou com o pé direito no Campeonato Catarinense 2022. Na tarde deste domingo (23), o Leão do Sul recebeu o Juventus de Jaraguá e venceu pelo placar de 1 a 0, no Aníbal Costa, em Tubarão. Os primeiros três pontos da equipe colorada na competição foram garantidos pelo meia Garraty, que saiu do banco para anotar o gol da vitória aos 24 minutos da segunda etapa.

A importantíssima vitória logo deixa o Hercílio na liderança da competição ao lado de Camboriú e Chapecoense, que também venceram na primeira rodada. Além dos três pontos, a vitória do time tubaronense também coloca fim ao jejum de quatro partidas sem vitórias contra o Juventus. O último triunfo havia sido em 2017, pela Série B do Estadual.

Na segunda rodada, a equipe comandada pelo técnico Raul Cabral viaja até Florianópolis para encarar o Próspera, na próxima quarta-feira (26), às 16 horas, no Estádio Orlando Scarpelli. No final de semana, o adversário é o Brusque, no domingo (30), às 19 horas, no Aníbal Costa.

O JOGO

Os primeiros minutos da etapa inicial foram de amplo domínio do Hercílio. A primeira descida da equipe colorada foi antes da primeira volta do cronômetro, com o lateral Cleiton, pela ala direita. A zaga afastou pela linha de fundo. No escanteio, Fabinho cobrou na cabeça de Rafael Lima, que mandou por cima do gol de Hudson Jr. Aos 7, em mais uma boa descida do Leão do Sul, Dentinho buscou a jogada individual pelo meio e arriscou de fora. A bola explodiu no poste esquerdo da equipe visitante. Aos 10, na primeira ação ofensiva do Juventus, Banguele deu belo lançamento para Maikon Leite na esquerda. O camisa 10 tentou a jogada pela linha de fundo, mas a defesa colorada rebateu.

Aos 13, mais uma bola na trave. Na cobrança de escanteio, Paulinho cruzou na cabeça de Vinícius Urbano, que cabeceou no travessão. Aos 22, Fabinho aproveitou o erro da saída de bola do Juventus e achou Vini Urbano no lado esquerdo. O camisa 9 levantou a cabeça e cruzou buscando Dentinho na grande área. O camisa 11 colorado rolou para Vitinho finalizar de fora da área. A bola parou nas mãos do goleiro do Juventus. Aos 23, o Juventus chegou duas vezes, mas parou no goleiro Matheus e no zagueiro Rafael Lima, respectativamente. Aos 23, o jogo foi paralisado para a hidratação dos atletas e arbitragem. A temperatura no Aníbal Costa ultrapassava os 34°C. O calor era tanto, que a arquibancada coberta foi liberada para os torcedores que estavam na descoberta.

Camisa 10, o experiente Fabinho participou da criação das jogadas do Hercílio durante a etapa inicial. Foto: Patrícia Amorim / Hercílio Luz

Após a parada técnica, algumas chances de gol. Aos 31, Lucas Dentinho recebeu na direita, puxou pro meio e finalizou com perigo para a defesa do arqueiro Hudson. Aos 37, o Juventus chegou pela esquerda na tentativa de cruzamento de Maikon Leite. A zaga colorada rebateu. Na sobra, Uederson dominou e finalizou em cima da defesa do Hercílio. Aos 41, Vitinho avançou pela direita e buscou o lançamento para a grande área. A zaga do Juventus teve que se esticar para afastar pela linha de fundo. No escanteio, Paulinho levantou bola na grande área, Vini Urbano subiu mais alto que a defesa, mas cabeceou sem direção.

Vinícius Urbano teve participação direta em algumas jogadas do primeiro tempo. Foto: Patrícia Amorim / Hercílio Luz

Aos 45, o Juventus buscou a finalização com Jeffinho, travado mais uma vez pela defesa do Hercílio. Na sequência da jogada, o Leão do Sul puxou contra-ataque com Vitinho. O camisa 8 só foi parado com falta dura do zagueiro Felipe Gregório, que recebeu o primeiro cartão amarelo da partida. Na última tentativa da primeira etapa, já aos 48, Lucas de Sá e Uederson tabelaram pela esquerda. Na primeira tentativa de chute, Lucas parou na defesa colorada. Na segunda, o atacante Uederson mandou longe do gol defendido por Matheus. As equipes retornaram para os vestiários com o placar inalterado.

Para o início da segunda etapa, Raul Cabral e Paulo Foiani não promoveram alterações. Aos 2, a primeira grande chance da etapa final. Após jogada trabalhada de pé em pé, Dentinho encontrou Vitinho na entrada da grande área. O camisa 7 dominou, a bola subiu e ele finalizou de bate pronto. Hudson Jr teve que fazer grande defesa para evitar o primeiro gol. Aos 6, o Juventus chegou em cobrança de falta. Lucas de Sá bateu, mas a bola ficou com tranquilidade nas mãos do goleiro Matheus. Aos 7, no contra-ataque, Cleiton e Dentinho buscaram nova jogada pela direita, mas a defesa afastou o perigo. Aos 9, Maikon Leite alçou bola na grande área, mas o camisa 1 do Leão do Sul afastou de soco e recebeu falta em seguida.

Aos 13, o segundo cartão amarelo da partida. Na jogada pela direita, Vitinho escapou da marcação e foi puxado pela camisa pelo zagueiro Reinaldo Lobo, que foi punido pelo árbitro Edson da Silva. Na cobrança da falta, Paulinho mandou pra área e a zaga do Juventus afastou. No escanteio, Paulinho também foi para a cobrança e a defesa visitante afastou o perigo mais uma vez.

Reforço para o Catarinense, Paulinho foi o homem das bolas paradas do Hercílio na estreia contra o Juventus. Foto: Patrícia Amorim / Hercílio Luz

Aos 18, o técnico Raul Cabral promoveu as primeiras mudanças no Hercílio. Vinícius Urbano e Jonathan Cabeça saíram para as entradas de Garraty e Lucas Pederzoli. Aos 19, Dentinho fez jogada individual e passou por Alex Travessos com uma linda caneta. Na sequência, o camisa 11 cruzou nas mãos de Hudson Jr. Aos 20, o Leão do Sul desceu mais uma vez pelo lado direito. Fabinho encontrou Dentinho adentrando a grande área. Na tentativa de finalização, o atacante colorada finalizou sem direção, à direita da meta defendida pelo Moleque Travesso.

Aos 24, as substituições do técnico Raul Cabral surtiram efeito e o Hercílio Luz abriu o placar. Dener recebeu de Dentinho no meio e encontrou Lucas Pederzoli livre na entrada da área. O camisa 18 deu lindo passe nas costas da defesa para Garraty, que finalizou tirando do goleiro Hudson para inaugurar o marcador no Aníbal Costa. HER 1x0 

Durante a parada técnica, Paulo Foiani respondeu ao gol colorado com três alterações na equipe. Roger Deniro, Matheus Claudino e Jeffinho deixaram o campo para as entradas de Daniel, Tenner e Tcharles. Aos 30, a primeira chegada do Juventus após levar o gol do Hercílio. Maikon Leite cobrou falta por cima da barreira e o goleiro Matheus fez linda defesa.

Aos 35, Raul Cabral promoveu a entrada do garoto Matheus Campos na vaga de Dentinho. Aos 36, o Hercílio acionou mais uma jogada pelo setor direito de ataque. Na primeira participação de Matheus Campos, o garoto recebeu de Fabinho na direita e buscou Garraty na grande área. O camisa 19 recebeu e finalizou com perigo, quase marcando o segundo dele na partida. Aos 41, após bate-rebate dentro da área, Lucas Pederzoli finalizou em cima da marcação do Juventus. Na sequência, o Moleque Travesso buscou o contra-ataque, interrompido pelo autor do gol, Garraty, que recebeu o cartão amarelo.

Aos 42, o Hercílio levantou bola na área com Garraty, mas a bola passou por todo mundo e não ofereceu perigo ao goleiro Hudson. Aos 44, Dener se atrapalhou na defesa e perdeu a bola. Sem perder tempo, parou a jogada com falta e recebeu o quarto amarelo da partida. Já nos minutos finais, Raul Cabral promoveu a estreia do volante Andrei Alba na vaga de Fabinho. Desde 2021 no clube, Alba havia sofrido uma lesão nos ligamentos do joelho e estava fora de combate. Nos minutos finais, o Hercílio apenas controlou a vantagem até o apito final de Edson da Silva, aos 50 minutos,

FICHA TÉCNICA - HERCÍLIO LUZ 1x0 JUVENTUS

Campeonato Catarinense Fort Atacadista 2022 - 1ª rodada

Estádio: Aníbal Torres Costa - Tubarão (SC)
Data e hora: 23/01/2022 (domingo) - 16 horas
Árbitro: Edson da Silva
Assistentes: Alex dos Santos e Bruno Muller
Público (renda): 474 pessoas (R$7.340,00)
Cartões amarelos: Felipe Gregório (JUV), Reinaldo Lobo (JUV), Carlos Eduardo (HER), Garraty (HER) e Dener (HER)
Cartões vermelhos: sem ocorrências

GOLS DA PARTIDA: Garraty (HER) 24'/2T

HERCÍLIO LUZ: Matheus, Cleiton, Rafael Lima, Kadu e Paulinho; Dener, Jonathan Cabeça (Lucas Pederzoli), Vitinho e Fabinho (Andrei Alba); Lucas Dentinho (Matheus Campos) e Vinícius Urbano (Garraty).

JUVENTUS: Hudson Jr, Alex Travassos, Felipe Gregório, Reinaldo Lobo e Roger Deniro (Daniel); Matheus Claudino (Tenner), Banguele, Lucas de Sá e Jeffinho (Tcharles); Maikon Leite (Dodô) Uederson (Jonatas Belusso). Técnico: Paulo Foiani