Em súmula, árbitro relata xingamentos de técnico do Tubarão após expulsão

Foto: Patrícia Amorim | CAT

O árbitro do duelo entre Atlético Catarinense e Tubarão, disputado neste domingo (24), em Palhoça, pela sétima rodada da Série B do Catarinense Sub-20, relatou em súmula os xingamentos e gestos obscenos do técnico Luca Casarino depois de ter sido expulso de campo ainda no primeiro tempo da partida. O italiano foi expulso aos 38 minutos, quando o jogo ainda estava empatado em 0 a 0. Sob o comando do auxiliar Allan Ferreira, a equipe tubaronense perdeu por 1 a 0 e conheceu a sua primeira derrota na temporada.

No documento escrito após o jogo, o árbitro Adriano Roberto de Souza relata as ofensas do técnico do Tubarão após ter recebido o cartão vermelho por reclamar das decisões da arbitragem. De acordo com a súmula, as ofensas do treinador italiano foram direcionadas ao quarto árbitro da partida, Filipe de Souza.

O técnico Luca Casarino, ao receber o cartão vermelho, teria dito as seguintes palavras. "Seu vagabundo, seu viado, palhaço de merda [sic]". Na saída de campo, já no alambrado do Estádio João Silveira, o treinador continuou. "Quando não se tem mais nada pra fazer na vida, o cara vira árbitro e pior ainda, ele vira quarto árbitro. Vem aqui chupar meu pau seus filhos da puta [sic]". Ainda de acordo com a súmula da partida, o italiano teria proferido as palavras citadas apontando para suas partes íntimas.

Em suas redes sociais, Luca Casarino assumiu a culpa pela derrota e destacou o empenho dos jogadores. "Hoje o dia foi muito complicado. Infelizmente chegou a nossa primeira derrota no campeonato. Nesse momento é que a gente tem que assumir as responsabilidades. Hoje é o dia de EU assumir a maior culpa pela nossa derrota, por não ter conseguido preparar vocês para o jogo. Vou usar esse momento "difícil" pra dizer o quanto tenho orgulho de vocês, dos atletas, das pessoas especiais que estão se tornando. Lutaram até o final tentando recuperar o resultado, mostrando que o importante não é cair mas levantar ainda mais fortes... Vocês estão fazendo um caminho maravilhoso, trabalhando duro todos dias pra realizar o sonho de vocês, sempre levando o maior respeito pelo escudo do time que vocês levam no coração (não só pela posição em cima da camisa)... Estou muito feliz em poder trabalhar com vocês, me sinto privilegiado por isso. Tenho certeza que vocês serão orgulho para o clube e ainda mais para a maravilhosa torcida que nos acompanha e que já no próximo jogo com certeza irá comparecer para torcer pra vocês. Obrigado, meninos. Obrigado, Clube Atlético Tubarão", escreveu Luca.

Íntegra do relato do árbitro sobre a expulsão do técnico do Tubarão, Luca Casarino. Foto: Reprodução

Mesmo com a derrota para o Atlético Catarinense, a classificação do Tubarão para a semifinal está bem encaminhada. O Peixe lidera a competição com 15 pontos, dois a mais que o Guarani de Palhoça, segundo colocado e próximo adversário da equipe tubaronense. O confronto está marcado para o próximo sábado (30), às 15 horas, no Domingos González.

O Tricolor da Vila encerra a sua participação na primeira fase da competição no dia 7 de maio, contra o Carlos Renaux, em Brusque.

Clique aqui e siga o perfil do Portal Infosul no Instagram.

Participe do grupo de WhatsApp do Portal Infosul e fique sempre atualizado do que acontece na região: https://chat.whatsapp.com/EhO3X1Z07wbEQ28ZrgkXvs