Caso Alisson: STJD mantém punição ao Hercílio e reduz multa para R$ 2 mil

Foto: Patrícia Amorim | Hercílio Luz

No dia 4 de maio, o Hercílio Luz foi punido pelo TJD-SC com a perda de três pontos e multado em R$ 15 mil pela escalação irregular do lateral Alisson, na partida contra o Brusque, pelo Catarinense. O clube recorreu ao TJD-SC, que no dia 15 do mesmo mês, manteve a punição e reduziu a multa para R$ 10 mil. O jurídico do clube decidiu ir até a última instância nacional, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), mas não obteve êxito total. Em audiência realizada na tarde desta quarta-feira (15), o Pleno do STJD decidiu pela manutenção da perda dos pontos. Apesar da 'derrota', o clube conseguiu a redução da multa, que caiu de R$ 10 mil para R$ 2 mil. O Processo 174/2021 foi encerrado.

Desta forma, a classificação final da última edição do Estadual permanece como estava. Sem os três pontos, o Hercílio encerra o Catarinense deste ano na décima colocação, com 9 pontos, um a mais que o Criciúma e três a mais que o Metropolitano, ambos rebaixados para a segunda divisão. Já o lateral Alisson não possui mais vínculo com Leão do Sul. Ele fez boa terceirona catarinense pelo Caravaggio em 2021 e foi emprestado ao Próspera para a disputa da Série A do Catarinense.

Alisson disputou a Série C do Catarinense pelo Caravaggio e se transferiu para o Próspera. Foto: Fabrício Júnior / CFC

Embora tenha buscado reverter um fato ocorrido no início do ano, a 'chave' do Hercílio já virou há um bom tempo. O clube está completando um mês de pré-temporada e se prepara para o Catarinense 2022. Antes do recesso de Natal e Ano Novo, a equipe do técnico Raul Cabral faz dois jogos-treinos. Um deles está marcado para o sábado (18), às 09h30, contra o sub-20 do Criciúma. A atividade será em São Ludgero e com portões abertos. O outro compromisso é diante do sub-20 do Grêmio, no dia 22, em Tubarão (local à definir). Este último deve ocorrer com portões fechados.