Amurel completa nove meses da pandemia de Covid-19 somando mais de 34 mil casos e 343 mortes

Por Joelson Cardoso

A pandemia do novo coronavírus completa nove meses na Amurel nesta terça-feira, 15, com os municípios em estado de alerta para o grande aumento de infectados nas últimas semanas. A região soma 34.105 casos confirmados da doença, segundo os boletins divulgados pelas secretarias de saúde na noite desta segunda-feira, 14.

Atualmente 4.412 pessoas estão com o vírus ativo. Este é o maior número de pacientes em tratamento registrado até então. A grande maioria está em isolamento domiciliar. Tubarão e Laguna são as cidades com a maior quantidade de moradores infectados. 86% dos que contraíram a doença na região já estão curados.

343 VIDAS PERDIDAS
O número de óbitos causados pela Covid-19 na região chega a 343. Nesta segunda, quatro cidades informaram mais nove mortes causadas por complicações da doença.

Em Tubarão, seis pessoas morreram nas últimas 72 horas. Foram quatro homens, de 35, 49, 71 e 72 anos; e duas mulheres, de 77 e 85 anos.

Capivari de Baixo confirmou a morte de um homem de 86 anos que estava internado desde o último dia 7, vindo a falecer na noite deste domingo. Ele tinha comorbidades.

Em Jaguaruna, uma mulher de 87 anos também não resistiu à doença. Grão-Pará registou o quarto óbito de um de seus moradores, mas a Secretária de Saúde não deu informações sobre o caso.

Durante o final de semana, outros municípios já haviam divulgado novos óbitos pelo coronavírus. No domingo, Jaguaruna divulgou a morte de um homem de 50 anos. Em Pescaria Brava, uma mulher de 56 anos, morava no bairro Laranjeiras, foi a oitava vítima do vírus na cidade. Ela sofria de hipotireoidismo, diabetes e hipertensão arterial sistemática.

No sábado, Laguna informou o óbito de um homem de 65 anos, residente do bairro Magalhães. Em Braço do Norte, foi registrado o falecimento de um idoso de 80 anos, ocorrida no dia anterior.

Já em Imbituba, a vítima foi um homem, morador do bairro Roça Grande, de 68 anos, que estava internado na UTI do Hospital São Camilo desde o dia 4 de dezembro. O paciente era portador de Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC) e também tinha hipertensão.

PRIMEIRO CASO
O primeiro caso do novo coronavírus na região foi registrado em 15 de março. Naquele dia, o Hospital Santa Terezinha, de Braço do Norte, divulgou a confirmação de um paciente positivo para Covid-19 no município. Tratava-se de uma mulher de 48 anos com histórico de viagem ao exterior.

O registro do primeiro caso não significa que o vírus na região se espalhou a partir deste em especifico. Na sequência, diferentes casos foram sendo confirmados em outras cidades sem relação com o primeiro. Ainda em março, a Amurel também já registrava casos de transmissão comunitária. No início de abril, a região de Laguna chegou a ser relacionada pelo Ministério da Saúde como a sexta em maior incidência de casos no país.