Monitoramento registra morte de oito tartarugas em um único dia

Foto: PMP BS / Udesc / Divulgação

Equipes do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS) registraram oito óbitos de tartarugas no trecho percorrido entre as praias de Laguna e Imbituba, durante a manhã de ontem, terça-feira, dia 24.

Segundo o programa, os animais de duas espécies diferentes estavam em avançado estado de decomposição e foram avistadas durante trabalho de rotina de campo. “Tratava-se de duas tartarugas cabeçudas (Caretta caretta) e seis tartarugas verdes (Chelonia Mydas)”, afirma a técnica de campo, Isadora Oreano Borges Duarte.

Não foi possível encaminhar elas para necropsia, pois o avançado estado de decomposição não permitiria coletar amostras úteis, mas foram removidos os úmeros para determinação de idade e os crânios para coleção científica. As carcaças foram devidamente descartadas nas praias para continuar com o ciclo da cadeia trófica. Este caso foi o recorde de tartarugas registradas em um único dia pela equipe da Udesc.

Texto: Agora Laguna