Horóscopo | Astrologia: O Eclipse do Ingresso em 2022

Foto: reprodução

Horóscopo da Semana

ÁRIES
Com toda certeza as coisas estão mudando muito mais rápido do que podemos acompanhar. Arianos nunca ficam para trás, mas agora, se sociabilizar, se enturmar de forma participativa, tendo até, eventualmente alguns sacrifícios no caminho, mas assim você não perderá o bonde dos acontecimentos e oportunidades.

TOURO
Se ter rigidez, lhe der orgulho, também lhe dará solidão. Esforçar-se na direção de ver os pontos de vista dos outros, lhe trará união. A escolha é simples, entre a soberba da razão ou a alegria da participação. Das duas, apenas uma lhe traz verdadeira afeto e satisfação.

GÊMEOS
Seu regente em trígono com Netuno, poderá lhe trazer revelações sobre sua rigidez de princípios e de como isso pode estar lhe engessando por dentro, impedindo o seu avanço, por causa da “permissão mental” que supostamente precisa ter. Autorize-se, é tempo de oportunidades.

CÂNCER
Se você for longe demais, tentando agradar aos outros, não poderá queixar-se da falta de reconhecimento. As pessoas são volúveis e todo mundo erra. Afetos verdadeiros nascem disso, tentativa e erro. Reaproximação, recuperação de antigas amizades. No financeiro, cuidado com gastos e faça planos de médio e longo prazo.

LEÃO
Tenha o cuidado de não encarar esse momento de profunda transformação em mera mudança estética e assim, permanecendo tudo do mesmo jeito que já era antes. Certifique-se de seus reais motivos e não faça nada por impulso, as boas e más consequências serão de efeito imediato, portanto e escolha e colha.

VIRGEM
Ter informação, não é o mesmo que ter experiência e você deve evitar agir por impulso ou apenas por fidelidade a métodos, que nem sempre estarão atualizados. Se não souber, peça conselhos dos mais experientes e assim estará preservando as boas relações, diminuindo a competição entre pares.

LIBRA
Faça as pazes com o passado e pare de perguntar “Aonde foi que eu errei...?”, isso, agora, nem importa mais, do que estar entre os seus, pessoas que realmente você possa confiar. O Sol em Escorpião ainda nos reserva uma segunda quinzena de muita transformação e, permanece junto quem muda junto.

ESCORPIÃO
Dizer o que se quer, tem um preço, o de ouvir o eco das próprias palavras. Ou você investe em desenvolvimento pessoal, melhorando a lida com as emoções, ou, ou terá de correr o risco de perder afetos que lhe são caros. Seja prático, mas modesto, pelo menos até o aniversário passar.

SAGITÁRIO
Mudanças de resultados em seu financeiro estão diretamente ligados a não ser negligente com este tipo de assunto. Faça as pazes com a “grana”, deixando de pensar em como o mundo é injusto, porque é justamente esse tipo de pensamento que encolhe sua capacidade de negociação e avanço.

CAPRICÓRNIO
Vencer o medo de mudar é seu maior desafio. Sua fidelidade a métodos infalíveis está lhe engessando, tornando impossível para você acompanhas a velocidade dos acontecimentos. O seguro morreu de velho, só que sozinho. O tolo com um milhão ou o sábio com um tostão, as duas são corretas a depender de como se sente.

AQUÁRIO
Você deve estabelecer metas mais claras sobre os próprios sentimentos. È de suas naturezas explorar todas as possibilidades que socialmente é possível escalar. Mas tem um momento em que isso pode atrapalhar, principalmente, em termos de intimidade e de dar segurança emocional a alguém que lhe interesse.

PEIXES
Selecione antes para evitar o prejuízo depois. Saiba separar as amizades úteis das que não são. Faça uma acepilha espiritual também, pois você é intuitivo por natureza e nesse momento há muito a ser aprendido por comparticipação em agremiações, grupos ou religiões, tudo para você não se sentir frágil e nem sozinho.

O CAMINHO DOS ASTROS 106

O Eclipse do Ingresso em 2022

O mal que assola as pessoas que se consideram do bem é o mesmo mal que assola as outras também. Então, onde está o “Mal”? Onde ele se esconde, que não dentro, da mentalidade dos que pensam que tem o direito de negar o direito de outrem?

Tirando os que executam maldade por puro prazer, há uma parcela muito grande de gente que ainda vale a pena. E é para esses que temos que começar a erigir a nova cultura. No céu, Vênus chega a Capricórnio, trazendo uma lição de educação e bons modos para todos, que com toda certeza, iremos precisar.

O Sol finaliza seu trajeto por Escorpião, mas aumenta a pressão do que ainda temos de descartar em nossas vidas, como forma de cura e resgate de nós mesmos. O despertar para um novo tempo e de novas verdades, começa a partir de agora, devendo estar em seu apogeu em 2022.

O Eclipse que ocorre em 19/11 estará desenhando o nosso primeiro semestre de 2022, que forma como primeiro aspecto a conjunção com os nódulos lunares no eixo Touro/Escorpião. A recuperação dos sentidos após um forte golpe. A dualidade da vitima e de seu abusador. O extremismo ao qual as coisas estão sendo submetidas e a superação que teremos que alcançar sobre esse tremendo desafio. Esse eclipse sinaliza o início do segundo estágio de transformação iniciada em 2020.

De um lado, uma maior responsabilidade com a sobrevivência, tanto minha, quanto de todo um planeta, do outro, o amadurecimento do nódulo em Escorpião, ensinando o desprendimento de um modo de vida supérfluo e sem propósito em comum. Há uma série de aspectos astrológicos indicando um momento de crise de identidade provocada pela crise das autoridades, que afinal, são apenas homens. Isso predispõe a uma crise psicológica forte.

De toda forma, neste primeiro semestre poderemos nos surpreender com questões envolvendo líderes religiosos em escândalos ou problemas com a justiça. O questionamento sobre a validade das práticas e a incineração da maioria delas. A queda das tábuas e dos tabus, podendo significar o esvaziamento de templos e seitas.

O radicalismo religioso também pode eclodir nessa configuração, mas o desespero e o ressentimento inócuos não mudarão em nada a gravidade da situação. A quadratura entre Marte e Saturno poderá resultar numa modificação na relação com as forças militares e paramilitares, que podem ir desde a insubordinação até a alteração nas relações de patentes, funções e serviços.

A menos de 50 dias de terminar o ano e ainda estamos aqui, praticamente onde começamos parecendo que quase nada se aprendeu. A realidade está nos exigindo uma valorização contínua das coisas, uma nova apreciação do que significa estar vivo. Contudo andamos em outra direção, oposta do que seria realmente viver.

Vida e dignidade são, ou deveriam ser valores absolutos e inegociáveis em uma sociedade que pretenda se considerar evoluída. O desafio que nos traz esse eclipse é o de alcançar alguma solidez e representatividade para nós mesmos e para o mundo, sem mais exclusão.

Que comece o futuro então!

Clique Aqui e siga o perfil do Portal Infosul no Instagram.

Participe do grupo de WhatsApp do Portal Infosul e fique sempre atualizado do que acontece na região: https://chat.whatsapp.com/EhO3X1Z07wbEQ28ZrgkXvs